Desmantelado o principal ponto de distribuição de artigos falsificados da União Europeia

16 Dezembro 2016

Foi desmantelado em Espanha o principal ponto de distribuição de artigos falsificados da União Europeia, numa ação envolvendo a Polícia Nacional e a Agência Tributária, em cooperação com a Europol.

Segundo informou, numa nota de imprensa, o Ministério do Interior espanhol, esta será a maior operação contra crimes de propriedade industrial e lavagem de dinheiro realizada em Espanha.

Durante a operação, a polícia deteve 71 pessoas e realizaram 41 inspeções em instalações, armazéns e lojas, nos quais se intercetou 264.980 produtos que violavam os direitos de propriedade industrial, cujo valor no mercado ilícito excederia oito milhões de euros.

A este respeito, até agora, se teria creditado um volume de negócios ilegais mais de cinco milhões de euros e uma atividade de lavagem de mais de nove milhões. No entanto, falta ainda analisar os documentos apreendidos.

Nesta operação estiverem envolvidos 400 agentes da Polícia Nacional e os funcionários da Agência Tributária espanholas que trabalharam durante três anos no seu desenvolvimento. A investigação foi iniciada pela Polícia Nacional em dezembro de 2013, devido à violação repetida dos direitos de propriedade industrial em La Junquera (Girona) e Le Perthus (Pirenéus Orientais, França). Em novembro de 2014, os investigadores entregaram um relatório ao Escritório do Tribunal Nacional que abriu diligências de investigação.

De acordo com a polícia, este grupo estava organizado com um sistema horizontal composto por três grupos perfeitamente coordenados partilhavam canais de abastecimento, lojas e mecanismos de lavagem de capital.


Fonte original: grandeconsumo